15 de jul. de 2012

PSB tem o maior número de candidatos do Movimento LGBT para eleições municipais de 2012

Os nomes dos candidatos foram divulgados, esta semana, na página oficial do PSB, com o objetivo de consolidar o apoio dos Diretórios Estaduais e Municipais.



Com treze candidaturas em onze estados do País, o Partido Socialista Brasileiro foi o que registrou o maior número de representantes do movimento LGBT para as eleições municipais deste ano.


Os nomes dos candidatos foram divulgados, esta semana, na página oficial do PSB, com o objetivo de consolidar o apoio dos Diretórios Estaduais e Municipais. O primeiro secretário nacional do partido e presidente da Fundação João Mangabeira, Carlos Siqueira, destacou que o movimento LGBT dentro do PSB foi criado oficialmente em dezembro de 2011 e, apesar de recente, tem força e representação consolidada. Ele explica porque Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transexuais recebem o apoio do PSB.


“O partido deve colaborar com essas candidaturas também para que nós possamos ter nas câmaras municipais e em prefeituras, companheiros que possam ser oriundos desse segmento. Eu acho isso muito importante para o nosso partido e para sociedade, como uma forma simbólica, inclusive, da eliminação do preconceito com relação aos homossexuais.”


Carlos Siqueira afirmou, também, que o movimento LGBT contribui para o projeto socialista de governo. O secretário Nacional do Movimento LGBT, Luciano Freitas, lembrou que o lançamento de candidatos homossexuais é um instrumento para acabar com o preconceito.


“A gente precisa, hoje, conquistar espaço no sentido de avançar nas políticas dos nosso parlamentares quando eleitos, independentemente se eles são LGBT ou não, para que a gente possa garantir para essas pessoas que são excluídas socialmente no que tange a orientação sexual, um espaço na sociedade. E aí, quando a gente tem esses candidatos que levam essa bandeira de luta, para gente é uma possibilidade a mais no que tange a direitos na sociedade como um todo.” 


O secretário nacional do Movimento LGBT do PSB, Luciano Freitas, adiantou que os candidatos homossexuais do partido vão trabalhar, principalmente, pelo respeito à diversidade, pela educação e em defesa dos direitos humanos.


PORTAL CORREIO

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu comentário aqui.