17 de jul. de 2013

Paraíba perde ator

Morreu na última segunda-feira, aos 86 anos, o ator paraibano Sebastião Vasconcelos, que estava internado no Hospital Israelita Albert Sabin (HIAS), na Tijuca, Rio de Janeiro, com quadro de pneumonia e enfisema pulmonar.

Segundo a assessoria do hospital, o ator natural de Pocinhos, Agreste paraibano, morreu às 20h10, vítima de um choque séptico e de parada cardiorrespiratória. Vasconcelos estava internado desde o final do mês passado.

O ator também tinha Mal de Parkinson, doença da qual sofria há mais de 10 anos.

Sebastião Vasconcelos começou sua carreira artística no Recife, participando da fundação do Teatro Universitário e participando de várias montagens até se mudar, em 1955, para o Rio de Janeiro, onde continuou se dedicando à dramaturgia dos palcos.
Seu primeiro trabalho na TV foi em 1959, quanto interpretou Jerônimo na novela Cabocla, na extinta TV Rio.

Dentre seus vários papéis na Rede Globo, atuou como o pescador Floriano, pai das gêmeas Ruth e Raquel (interpretadas por Glória Pires) na segunda versão de Mulheres de Areia (1993), além de produções como Saramandaia (1976), Tieta (1989), Riacho Doce (1990) e O Clone (2001). Seu último trabalho na TV foi Os Mutantes (2008).

No cinema, participou de filmes como Índia, a Filha do Sol (1982) e a adaptação Inocência (1983), no qual ganhou o Troféu Candango no Festival de Brasília na época.


0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu comentário aqui.