10 de ago de 2013

Coronel da PM pode ter comandado assalto a agência do Bradesco em Cruz das Armas

Um coronel da Polícia Militar e um agente da Polícia Civil, lotado na Secretaria de Secretaria da Segurança e da Defesa Social da Paraíba - SEDS,  estariam envolvidos na ação criminosa que ocorreu no começo da tarde da última quarta-feira, 7, quando cinco homens fortemente armados assaltaram a agência do banco Bradesco, localizada na Avenida Cruz das Armas, Zona Oeste de João Pessoa.

O Serviço de Inteligência da SEDS, de acordo com uma fonte que pediu para ter seu nome preservado, começou a investigar o envolvimento deles logo após a prisão de dois dos cinco suspeitos de participação no assalto. 

A descoberta teria sido feita após a polícia ter rastreado o celular de um dos envolvidos no assalto. De acordo com a fonte, haveria uma ligação telefônica para um determinado coronel da PM 35 minutos antes do assalto acontecer. Já em outra ligação, um dos bandidos teria conversado com um policial civil. Os nomes deles estão sendo mantidos em sigilo para não atrapalhar as investigações.

Foi a segunda vez este ano que a agência Cruz das Armas foi assaltada. O primeiro assalto aconteceu no dia 8 de janeiro. Agora são 90 ocorrências no ano, sendo: 31 explosões, 27 arrombamento, 13 assaltos, 11 tentativas de arrombamento/explosão/assalto e 8 saidinhas de banco.

(Fatospb)

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu comentário aqui.