16 de ago de 2013

João Pessoa é a capital do NO e NE que melhor paga professores

A cidade de João Pessoa foi a capital mais bem avaliada nas regiões Norte e Nordeste do Brasil no critério de remuneração dos professores do Ensino Fundamental e Médio da rede municipal. O ranking foi apresentado pelo Jornal Folha de São Paulo, cuja publicação aconteceu nesta terça-feira (13). O levantamento aponta que a remuneração dos professores contratados da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) é de R$ 2.800, enquanto o valor mínimo exigido por Lei seria de R$ 1.567 para uma jornada de 40 horas semanais.

No âmbito nacional, João Pessoa foi classificada em quarto lugar atrás apenas das cidades de Curitiba, Porto Alegre e Rio de Janeiro. O maior piso salarial, de acordo com o levantamento, é de R$ 3.063,4.

Para o secretário de Educação da PMJP, Luiz de Sousa Junior, o levantamento do Jornal Folha de São Paulo destaca o compromisso da atual gestão do prefeito Luciano Cartaxo com o magistério. “Esse levantamento é importante porque mostra que estamos no caminho certo de motivação de um ensino de qualidade. Esta gestão tem se pautado em investir no capital humano como melhoria da educação”, destacou.

O prefeito Luciano Cartaxo, dentro da política de valorização do servidor, concedeu, já no mês de fevereiro, um reajuste de 10% para os professores garantindo que João Pessoa seja uma das capitais do país que melhor paga esses profissionais da educação.

A Lei aprovada há mais de cinco anos no Congresso Nacional especifica que o menor valor pago a professores da rede municipal do Ensino Médio e Fundamental é de R$ 1.567 para a jornada de 40 horas semanais. Hoje a PMJP paga R$ 2.327 para professores em Licenciatura Plena de início de carreira para uma jornada de 30 horas.


Parlamento PB

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu comentário aqui.