30 de ago de 2013

Membro da executiva do PPS diz que Gilma montou farsa sobre reunião interna

Ronaldo Guerra informou que a deputada Gilma nāo reunia a Executiva e o Diretório desde dezembro de 2012

O membro da executiva e do Diretório Estadual do PPS na Paraíba, o secretário de Infra-estrutura de Joāo Pessoa, Ronaldo Guerra, denunciou que a deputado Gilma Germano armou uma grande farsa ao anunciar que o direçāo do partido se reuniu para marcar o congresso estadual e elaborar uma nota de repúdio contra a Comissāo Eleitoral Nacional, que decidiu pela dissoluçāo do diretório da Paraíba por infringir o estatuto da legenda e nāo organizar o PPS para as disputas eleitorais do próximo ano.

"As próprias fotos divulgadas por eles mostram o total esvaziamento e a farsa montada. Lá só tinha 11 diretorianos e rechearam a sala com assessores do Governador, que quer mandar na legenda, mas a direçāo nacional nāo permitiu essa subserviência política na Paraíba", afirmou.

Ronaldo Guerra informou que a deputada Gilma nāo reunia a Executiva e o Diretório desde dezembro de 2012. Também nāo renovou as comissōes provisórias, nāo incentivou a realizaçāo dos diretórios municipais, nāo expandiu o partido, nāo trouxe nenhuma liderança para fortalecer o PPS.

"Inclusive o próprio marido, Buba Germano, anunciou umas 200 vezes que ia entrar e nāo veio. Agora ela tenta a todo custo se agarrar na presidência depois que a direçāo nacional chamou o feito a ordem e disse que aqui nós nāo seremos sub-legenda nem do governador Ricardo Coutinho, nem de partido ou político nenhum", declarou o dirigente popular socialista.


MaisPB com assessoria 

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu comentário aqui.