10 de jun de 2014

Como proteger o seu cão dos rojões e fogos de artifício no São João e Copa do mundo!



A Copa do mundo está chegando, polêmicas à parte, minha função é proteger os animais.
Fogos e rojões são um pesadelo para os animais, por isso todo cuidado é pouco. Preste bem atenção nas dicas que preparei para você deixar o seu amigo em segurança na hora dos jogos do Brasil.


1- Coloque a placa de identificação no seu animal. Assim se ele fugir, a chance dele ser encontrado é muito maior.


2 Acomode-o dentro de casa, em um lugar onde ele possa ficar em segurança, se possível com o som ligado com música em alto volume.

3- Feche portas e janelas para evitar fugas e suicídios.

4- No dia de jogos dê alimentos leves, pois distúrbios digestivos provocados pelo pânico podem até matar o seu animal. Torção de estômago, por exemplo

5- Não deixe muitos cães juntos, pois irritados pelo barulho, podem brigar até a morte. Tente deixá-los em quartos separados na hora dos fogos.



6-Um pouco antes dos jogos leve o seu animal para perto da TV ou aparelho de som, vá aumentando aos poucos o volume, de tal forma que ele se distraia e se acostume com o som alto, assim não ficará tão assustado com o barulho intenso e inesperado dos fogos.



7- Jamais deixe o animal acorrentado, pois ele acaba se enforcando em função do pânico. O ideal é deixá-lo em um recinto fechado, sem as correntes e guia.

8- Alguns veterinários recomendam o uso de tampões de algodões no ouvido que podem ser colocados minutos antes e retirados logo após os fogos. Esse procedimento ajudará muito aliviar o desespero que sentem na hora dos fogos.

8- Piscinas também podem oferecer risco de morte ao seu animal. Deixe a piscina protegida e os animais bem longe dela.

Se puder fazer o mesmo com animais comunitários, ou os que estão na rua, próximos de você, isso poderá salvar a vida dele, evitando atropelamentos.


Luisa Mell