4 de jun de 2014

SOM ALTO :Vizinho invade casa e mata carpinteiro por se sentir incomodado com som alto

Pedro Roberto morreu com facada no coração
O carpinteiro Pedro Roberto Fernandes de Lucena, 50 anos, foi assassinado na cidade de Sousa e o principal suspeito é seu vizinho, o servente de pedreiro Sebastião Rufino da Silva, que teria lhe desferido dois golpes de faca, sendo um à altura do coração. O servente estaria se sentindo incomodado com o barulho do som ligado na residência da vítima. 

O crime foi registrado por volta das 23h desta terça-feira (03) na rua do Paredão, no Bairro do Angelim, naquela cidade do Sertão paraibano. 

As primeira informações são de que o carpinteiro Pedro Roberto teve sua casa invadida pelo servente de pedreiro, conhecido por 'Basto Filho de Cersão'.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima bebia em sua residência com o som ligado, o que estaria incomodando 'Basto'.

Quando a equipe do Samu chegou ao local, encontrou o carpinteiro na posição de decubito dorsal (pessoa que deita com a barriga voltada para cima), apresentando uma perfuração em cima do peito esquerdo e outra no quadril.

Informações de plantonistas foram de que a vítima chegou no Hospital Regional de Sousa  sem vida. A violência foi tamanha que na perfuração no peito esquerdo da vítima, chegou a quebrar uma costela.

O suspeito Sebastião Rufino da Silva fugiu do local do crime. A polícia informou que 'Basto' está foragido.

O delegado Claudio Bezerra esteve no hospital e autorizou a remoção do corpo para o IML de Patos,  para a necropsia.